Desafios

Faz uns dias, resolvi aprender a fazer crochê. Por quê crochê? Tenho visto uns bichinhos fazendo sucesso na internet. E eu pensei “eu gostaria de aprender a fazer estes bichos para dar de presente”. Isso por que acho que presentes feitos têm muito mais significado do que comprados. Descobri que o nome do tal do bicho é Amigurumi e que, obviamente, vai dar trabalho.Mas, já aprendi meu primeiro ponto de crochê e tô treinando por aí.

E o mais legal de tudo é que prender a fazer crochê me deu a sensação de que eu posso aprender a fazer qualquer coisa e que o céu é o limite para minha criatividade. E isso me deu uma sensação muito boa. Partiu costurar? Sim! Cozinhar? Claro! Bordar? Por quê não? E que quase tudo pode ser feito ao invés de comprado. Para os presentes de Natal, até eu me surpreendi com a minha ideia (não conto por que é surpresa! Quem sabe depois? =).

E sabe o que eu fiquei pensando? Sempre que vou dar um presente, escrevo um texto junto. Às vezes, o texto é mais importante do que o presente em si. Por que eu gosto de expressar como me sinto por meio de palavras (se comparado ao crochê, não é tão diferente, já que, cada ponto e ideia, ao final, tornam um trabalho único e especial). E, a partir de agora,  além do mundo das palavras, a princesa de allstar vai se aventurar em outras áreas <3